logotipo-municipio_soure2-01

Refeições Escolares

Refeições Escolares

O Município de Soure, como entidade responsável pelo fornecimento de refeições escolares, pretende assegurar uma alimentação equilibrada e adequada às necessidades dos alunos, segundo as normas definidas pelo Ministério da Educação e com observância das orientações gerais de higiene e segurança alimentar.

O preço das refeições servidas nos refeitórios escolares obedece ao estipulado pelo Ministério da Educação (valores máximos) e objeto de definição anual por parte da Câmara Municipal. Os preços em vigor para almoço no ano letivo 2023/2024, para todos os níveis de ensino, são:

– Escalão A e Famílias Numerosas – gratuito

– Escalão B – 0,73€

– Escalão C ou sem escalão – 1,46€

 

Acesso às refeições escolares

Os encarregados de educação devem efetuar a inscrição no serviço de refeições escolares, no início do ano letivo, através da plataforma de Gestão SIGA.

A inscrição é efetuada através da criação de um cartão virtual designado por cartão escolar pré-pago. Este procedimento é efetuado na plataforma SIGA (https://siga1.edubox.pt) e, nos espaços indicados, preencha o login/utilizador e a palavra-chave e aceder ao separador “cartão escolar.

Com o “Cartão Escolar Pré-Pago” vai poder, de forma simples e imediata, efetuar e gerir os carregamentos do cartão escolar, ficando o saldo do cartão pronto a ser usado. Trata-se de um serviço disponibilizado pelo Município de Soure e a toda a comunidade educativa e que pode ser usado nas escolas com 2º e 3º ciclos do ensino básico e ensino secundário.

Para uma maior comodidade, o cartão pode ser carregado através de Payshop, Multibanco e MB WAY, sem qualquer tipo de custo para o utilizador, suportando o Município todos os custos associados.

Além da monitorização regular da alimentação e refeitórios escolares, a Autarquia tem desenvolvido vários projetos educativos nos estabelecimentos de ensino que se destinam a informar, sensibilizar e incentivar os mais novos a fazerem escolhas mais informadas e conscientes, bem como promover a saúde individual e a sustentabilidade do planeta. Com recurso a atividades de educação alimentar vão-se incutindo práticas mais saudáveis, uma vez que é nestas idades que são determinados os hábitos e comportamentos alimentares de futuro, procurando-se, desta forma, prevenir possíveis doenças, assim como evitar perigos associados à má alimentação.